Novidades no Power Pivot no Microsoft Excel 2013

O Microsoft Excel 2013 proporciona uma integração mais profunda da funcionalidade do Power Pivot. Por exemplo,agora é possível importar e relacionar grandes quantidades de dados a partir de várias origens diretamente no Excel, utilizando um novo modelo de dados incorporado, sem ter de regressar à janela do Power Pivot. O Power Pivot fornece um ambiente para uma modelação de dados mais avançada e liga-se ao mesmo modelo de dados. Leia sobre tudo o que pode fazer no Power Pivot.

Neste artigo


Funcionalidade básica do modelo de dados agora incorporada no Excel

No Excel 2010, instalava o suplemento Power Pivot para Excel 2010 para poder importar e relacionar grandes quantidades de dados a partir de várias origens.

No Excel 2013, muita dessa funcionalidade, incluindo a infraestrutura que o suporta, é criada diretamente no Modelo de Dados (Modelo de Dados: Uma coleção de entidades e respetivas relações que reflete as relações reais entre funções e processos empresariais, por exemplo, determina de que forma os Produtos estão relacionados com itens como o Inventário e as Vendas.) no Excel. Sem instalar o suplemento separado, pode agora:

  • Importar milhares de linhas de várias origens de dados.
  • Criar relações entre dados de origens diferentes e entre várias tabelas numa Tabela Dinâmica.
  • Criar campos calculados implícitos (denominados anteriormente 'medidas') – cálculos criados automaticamente quando adiciona um campo numérico à zona de colocação dos Valores da Lista de Campos.
  • Gerir ligações de dados.

Deste modo, todos os utilizadores do Excel podem agora criar modelos de dados, que podem utilizar como base para relatórios de Tabelas Dinâmicas, Gráficos Dinâmicos e do Power View. O Excel carrega automaticamente dados para o motor de análises na memória, que costumava estar apenas disponível com o suplemento Power Pivot. O modelo de dados no Excel possui outras vantagens:

  • Processamento de dados é rápido.
  • Os dados são muito comprimidos, criando um ficheiro com um tamanho fácil de gerir.
  • Os dados são guardadas no livro do Excel, pelo que são portáteis.

O suplemento Power Pivot está disponível e fornece também capacidades de modelação mais avançadas para modeladores de dados mais experientes.

Power Pivot no Microsoft Excel 2013 para uma modelação de dados mais avançada

O suplemento Power Pivot no Microsoft Excel 2013, que liga ao mesmo modelo de dados, fornece um ambiente de modelação mais completo a permite que utilizadores mais experientes melhorem os seus modelos.

Por exemplo, com o suplemento Power Pivot no Microsoft Excel 2013 pode:

  • Filtrar dados ao importar. Pode importar dados para o Excel e Power Pivot, mas ao importar dados para o Power Pivot, pode filtrar dados desnecessários para importar apenas um subconjunto.
  • Mudar o nome das tabelas e colunas à medida que importa dados no Power Pivot.
  • Gerir o modelo e criar relações utilizando a funcionalidade arrastar e soltar na Vista de Diagrama.
  • Aplicar formatação (para ser utilizada no Power View e em relatórios de Tabela Dinâmica).
  • Definir os próprios campos calculados para utilizar em todo o livro.
  • Definir indicadores chave de desempenho (KPIs) para utilizar em Tabelas Dinâmicas.
  • Criar hierarquias definidas pelo utilizador para utilizar em todo o livro.
  • Definir perspetivas.
  • Seja o autor dos seus cálculos ao escrever fórmulas avançadas que utilizam a linguagem da expressão DAX (Data Analysis Expressions).
  • Utilizar outros dados mais avançados e operações de modelação.

Estas funcionalidades não estão disponíveis no Excel. Para utilizar estas funcionalidades, o utilizador tem de ativar o suplemento Power Pivot no Microsoft Excel 2013. O suplemento está incluído nas edições Office Professional Plus e Office 365 Professional Plus e na edição autónoma do Excel 2013. Consulte o artigo Iniciar o Power Pivot no Microsoft Excel 2013 para mais informações.

Se já utilizou o Power Pivot no passado, algumas funcionalidades disponíveis em versões anteriores do Power Pivot não estão disponíveis no Power Pivot no Microsoft Excel 2013. Consulte a tabela na secção abaixo, «Novidades na Lista de Campos», para obter detalhes. Consulte o artigo Atualizar o Power Pivot para o Modelo de Dados para o Excel 2013 se tiver livros do Power Pivot que pretende editar e utilizar no Excel 2013.

Novidades na nova Lista de Campos

O Excel e o Power Pivot têm agora uma Lista de campos única e uniforme. Algumas funcionalidades da Lista de Campos foram alteradas da versão anterior do Power Pivot (v. 2, que era fornecida com o SQL Server 2012) para esta versão. Por exemplo, pode agora arrastar campos diretamente na zona de colocação de valores (para criar medidas implícitas) e adicionar campos a segmentações de dados diretamente a partir da Lista de Campos. Outras funcionalidades foram movidas e estão disponíveis a partir de outras localizações na janela Power Pivot. Outras não estão disponíveis no Excel 2013.

Funcionalidade Localização
Criar ou formatar campos calculados no Lista de Campos

Já não cria campos calculados clicando com o botão direito numa tabela na Lista de campos. Estes são criados, editados e eliminados na Tabela Dinâmica ao clicar em Campos Calculados no friso do Power Pivot no Excel.

Também pode criar campos calculados numa Área de Cálculo na janela do Power Pivot (sem alterações em relação à versão anterior).

Suporte para campos calculados implícitos

Com o Excel 2010 era necessário o suplemento Power Pivot para criar campos calculados implícitos, um campo calculado que criava ao arrastar e largar as colunas numéricas na área de valores da Lista de Campos do Power Pivot.

Com o Excel 2013 pode criar campos calculados implícitos na Lista de Campos para Tabelas Dinâmicas criadas no Power Pivot e no Excel.

Ver perspetivas

Tal como na v.2 do suplemento Power Pivot, no Excel 2013 pode definir perspetivas (perspetiva: Um subconjunto dos objetos num modelo de dados - tabelas, colunas, campos calculados e KPIs - que controlam diferentes conjuntos de dados. Normalmente definidas para um cenário empresarial específico, estas facilitam a navegação em grandes conjuntos de dados.) a partir do separador Avançadas.

Na v. 2 do Power Pivot, depois de criar uma perspetiva, via essa perspetiva do modelo na Vista de Diagrama ou filtrava a Lista de Campos Power Pivot por essa perspetiva. Já não é possível filtrar a Lista de Campos.

No Power Pivot no Microsoft Excel 2013 para Microsoft Excel 2013, escolhe a perspetiva a utilizar no separador Avançadas, que lhe permite ver uma perspetiva específica do modelo completo na grelha da Vista de Dados e na Vista de Diagrama na janela Power Pivot. Isto permite-lhe trabalhar com maior eficácia com um subconjunto de tabelas num modelo maior.

Criar indicadores chave de desempenho (KPIs)

Na versão anterior do Power Pivot só podia criar um KPI selecionando um campo calculado existente na Lista de Campos.

A criação de KPI já não está associada à Lista de Campos. Cria, edita e elimina KPIs a partir do friso do Power Pivot no Excel.

Também pode criar KPIs na Área de Cálculo da grelha da Vista de Dados na janela Power Pivot (sem alteração).

Adicionar descrições

Como no suplemento Power Pivot v 2, adiciona descrições para campos calculados, tabelas e colunas clicando com o botão direito do rato na janela Power Pivot.

No Excel 2013, as descrições não são visíveis quando passa com o rato sobre os a Lista de Campos, mas são visíveis na Lista de Campos da folha do Power View. Depois de adicionar descrições no Power Pivot, atualize a folha do Power View para as ver.

Procurar metadados na Lista de Campos

A pesquisa não está disponível na Lista de Campos. Em vez disso, adicionámos uma opção de pesquisa de metadados à janela Power Pivot. Em ambas as vistas, Vista de Dados e Vista de Diagrama, clique em Localizar no separador Base da janela Power Pivot para procurar os metadados.

Note que não está a procurar os dados em células individuais, apenas os metadados da tabela, por exemplo, nomes de campos.

Adicionar segmentações de dados a Tabelas Dinâmicas As segmentações de dados estão disponíveis clicando com o botão direito do rato em qualquer campo na Lista de Campos.
Esquema automático de segmentação de dados Apresente horizontal ou verticalmente a segmentação de dados em grupos clicando nas opções Alinhamento da Segmentação de Dados no friso do Power Pivot no Excel.
Deteção automática de relações Não está disponível no Power Pivot no Microsoft Excel 2013.

Categorização e sugestões de dados do DataMarket

Quando adiciona tabelas do Power Pivot, o Power Pivot consegue automaticamente categorizar cada coluna. Por exemplo, o Power Pivot poderia categorizar uma coluna de nomes de localidades como Localidade e uma lista de nomes da empresa como Empresa. Pode modificar as categorizações automáticas, categorizar os seus dados ou desativar as funcionalidades.

Categorizar os dados tem duas vantagens principais. Com as colunas categorizadas:

  • O Microsoft Azure Marketplace pode sugerir dados do DataMarket que podem estar relacionados com os seus dados. Por exemplo, poderá sugerir dados de recenseamento ou de meteorologia. Os dados podem ser sugeridos por um fornecedor de dados gratuito, como as Nações Unidas, ou por uma empresa que cobre taxas pelos dados. É o utilizador que decide se pretende aceitar estas sugestões. Obtenha sugestões de dados relacionados a partir do Microsoft Azure Marketplace
  • O Power View pode fornecer visualizações que são adequadas para os seus dados. Por exemplo, se os dados tiverem endereços URL, o Power View pode compor os URLs como hiperligações.

Suporte para mais idiomas.

O Power Pivot está localizado nos 40 idiomas do Office. O Power Pivot agora suporta os idiomas da direita para a esquerda, o árabe e o hebreu.

Suporte para ficheiros de grande tamanho no Excel de 64 bits

Versões anteriores limitavam o tamanho de um livro até 2 gigabytes (GB) em disco e 4 GB em memória. Este limite assegurava que os livros do Excel que contivessem dados Power Pivot estivessem sempre abaixo do tamanho máximo para carregamento de ficheiro definido pelo SharePoint.

Agora que o modelo de dados faz parte do Excel, o limite máximo de tamanho de ficheiro desaparece. Caso esteja a utilizar o Excel de 64 bits, o tamanho do livro só está limitado pela disponibilidade de recursos de disco e memória no computador.

Os limites definidos por outras plataformas ainda se aplicam. O SharePoint Server 2013 ainda tem um tamanho de carregamento de ficheiros máximo de 2 GB. De forma semelhante, se estiver a partilhar um livro no SharePoint Online ou no Office Online, pode ser-lhe pedido para abrir o livro no Excel se o ficheiro for demasiado grande para ser aberto num browser. Saiba mais sobre limites de tamanho de ficheiro em Especificação e limites no Modelo de Dados.

O Modo Avançado é a nova vista predefinida

No Excel 2013, quando clica em Gerir para regressar à janela do Power Pivot, por predefinição a janela inclui o separador Avançadas.

  • Para ocultar o separador Avançadas, clique no botão Ficheiro à esquerda do separador Base > Mudar para o Modo Normal.

Início da Página Início da Página

 
 
Aplica-se a:
Excel 2013, Power Pivot no Excel 2013