Criar uma aplicação do Access a partir de um modelo

Organizar os seus dados com uma aplicação do Access é rápido e é especialmente rápido se utilizar um modelo para começar. Quando seleciona um modelo, o Access reúne uma aplicação com as tabelas que gostaria de ter adicionado, caso tivesse criado a aplicação do início.

 Nota    Pode sempre personalizar as aplicações que cria, independentemente de criá-las utilizando um modelo ou clicando no botão Aplicação Web personalizada no ecrã de arranque.

  1. No ecrã de arranque do Access, desloque para baixo para ver os modelos apresentados. As aplicações mais populares, como a Gestão de Projetos, o Controlo de Ativos e Contactos estão indicados primeiro.

    Modelos de aplicações no ecrã de arranque do Access 2013.

     Nota    Os modelos que começam pela palavra “Ambiente de trabalho” criarão uma base de dados de cliente que não é compatível com a nova versão dos Serviços do Access. Procure o ícone da aplicação para se certificar de que é um modelo de aplicação do Access.


  2. Clique no modelo e introduza um nome na caixa Nome da Aplicação.

    Preencher as caixas para criar uma nova aplicação.
  3. Selecione uma localização para a aplicação da lista ou introduza uma localização na caixa Localização Web. Esta tem de ser uma localização equipada com Serviços do Access, como um Office 365 site ou um servidor com o Microsoft SharePoint Server 2013.
  4. Clique em Criar. O Access cria a aplicação e apresenta-a no programa do Access. Para começar a utilizar a aplicação imediatamente, clique em Base > Iniciar Aplicação.

E agora?

No browser, comece a introduzir dados na sua aplicação. Coloque alguns itens em cada tabela e, a seguir, explore as diferentes vistas. Selecione valores das listas pendentes ou complete automaticamente os controlos e veja como pode clicar para os dados relacionados sem ter de adicionar quaisquer novos controlos ou macros.

Se já tiver dados numa folha de cálculo, pode copiá-la e colá-la numa das vistas de folhas de dados na sua nova aplicação, desde que tenha as colunas da folha de cálculo dispostas na mesma ordem que a folha de dados da aplicação e os tipos de dados de cada coluna sejam compatíveis com os que estão na aplicação. Algumas colunas na folha de dados da aplicação podem precisar de um valor introduzido antes de poder guardar o item. Isto pode significar uma pequena limpeza extra da folha de cálculo, mas assim que tiver tudo preparado, os dados devem ser colados na aplicação.

Também pode importar dados para uma aplicação. Isto cria uma nova tabela que não está automaticamente integrada nas outras tabelas na aplicação, mas à qual é fácil de adicionar campos de pesquisa para criar relações entre tabelas. Por exemplo, se criar uma tabela de Colaboradores ao importar dados de colaboradores para uma aplicação que já tem uma tabela de Tarefas, adicione um campo de pesquisa na tabela Tarefas para que possa atribuir tarefas a pessoas na nova tabela Colaboradores.

 
 
Aplica-se a:
Access 2013